Avaliação positiva leva Brandão para uma caminhada de consagração

Avaliação positiva leva Brandão para uma caminhada de consagração

Em nível de José Reinaldo Tavares em termos de desenvoltura, Carlos Brandão mostra ser o sucessor que a sociedade queria no primeiro trimestre de governo. Não olhou pra trás, seguiu em frente, desatou todos os nós e permanece firme, comandando uma equipe cheia de ideias.

Uma gestão democrática, unindo segmentos ideológicos, matriz de filiais oriundas de partidos que procedem de grupos diferentes. Muita gente acostumada a trocar de siglas para se manter no poder e a novatos independentes e talentosos, como o economista e administrador Adriano Sarney, no comando da Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB).

Bem na imprensa, assessorado pelo secretário Sérgio Macedo, ganhou apostas dos contrários, que torcem por um final infeliz. Aumentou o time de amigos que, por simpatia ou não, hoje está ao lado do governador, prontos pra tudo na tristeza e na alegria, na guerra e na paz, como se fossem velhos companheiros.

Mas também preservou o modelo da área financeira de Flávio Dino, com Marcellus Ribeiro na Secretaria da Fazenda. Apesar da mudança de governo, Ribeiro permaneceu na sua cadeira para dá continuidade ao processo, inclusive, pagando em dia a folha dos servidores públicos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *