Browsed by
Categoria: Esporte

Coutinho e Neymar decidem para o Brasil, que bate a Costa Rica

Coutinho e Neymar decidem para o Brasil, que bate a Costa Rica

Apontada como favorita ao título da Copa do Mundo, a seleção brasileira sofreu, mas conseguiu arrancar a primeira vitória na Rússia nos acréscimos do segundo tempo. Com um gol de Philippe Coutinho, o seu segundo na competição, e outro de Neymar, a equipe derrotou a Costa Rica por 2 a 0, na Arena Zenit, em São Petersburgo, nesta sexta-feira. Mas mais uma vez reclamou de decisões da arbitragem e teve atuação irregular.

Dessa vez, os protestos brasileiros envolveram a anulação de um pênalti em Neymar, já na reta final do segundo tempo. O árbitro holandês Bjorn Kuipers chegou a marcar a infração de Giancarlo González, que deu uma leve segurada no atacante, mas a anulou ao revisar o lance através do recurso do árbitro de vídeo, por considerar que o brasileiro simulou a falta.

A jogada diz muito sobre a atuação de Neymar, principal jogador do elenco brasileiro, mas que voltou a pecar pelo individualismo e reclamou demais do juiz. Ele marcou o segundo gol da seleção pouco depois, aos 51, após erro da defesa da Costa Rica, mas ainda não exibiu, na Rússia, maturidade e talento para liderar a seleção ao sexto título mundial.

Restou, assim, a Philippe Coutinho o poder de decisão para marcar o seu segundo gol na Copa do Mundo e aliviar a situação da seleção brasileira em uma jogada que fugiu ao estilo Tite, com a participação de seus dois centroavantes, abrindo o caminho para a vitória.

Brasil e Costa Rica encerram a participação no Grupo E da Copa na quarta-feira. A seleção de Tite vai encarar a Sérvia em Moscou, enquanto a equipe da América Central terá pela frente a Suíça em Nijni Novgorod. A equipe nacional soma quatro pontos, enquanto os costarriquenhos ainda não pontuaram e estão eliminados.

Texto: Agência Estado / Fotos: Jamie Squire/FIFA

Presidente do Sampaio, Sérgio Frota pode está envolvido com máfia no futebol

Presidente do Sampaio, Sérgio Frota pode está envolvido com máfia no futebol

Desde que assumiu a presidência do Sampaio Corrêa, Sérgio Frota só falou em prejuízos, mas nunca largou o osso do tubarão. Chorava, esperneava, mas continuava presidente. Toda prestação de conta, sempre citava um tal prejuízo de mais de um milhão de reais anual. Mas nunca quis largar o comando do time. Em 2017 Frota chegou anunciar que seria seu último ano a frente da Bolívia, mas no final das contas apareceu candidato novamente.

Sérgio Frota já colheu muitos frutos bolivianos, e até a sede do clube ele chegou a negociar, segundo a imprensa noticiou. Uma caixa preta nunca foi aberta em todo esse tempo no Sampaio. Cheio de marra, Frota se acha o Charles Miller, aquele estudante que trouxe uma bola e regras de futebol da Inglaterra para o Brasil. Se mete a falar de tudo, sabe tudo, mas pouco explicou sobre seus 11 anos no comando do Sampaio.

Na última rodada do Campeonato Brasileiro da Série C de 2017, um caso chamou atenção dos desportistas maranhenses. No jogo entre Sampaio X Botafogo-PB, no estádio Castelão em São Luís, o tricolor abriu o jogo na maior cara de pau e perdeu em pleno Castelão por 3×2. Com o resultado, o Botafogo escapou do rebaixamento. O que ninguém sabia era que Sérgio Frota era tão amigo do presidente do Botafogo-PB. Todo mundo desconfiou da atitude do Sampaio, mas ficou calado, como de costume.

No Campeonato Maranhense de 2017, algo ficou muito suspeito após o Sampaio que estava na penúltima colocação na classificação geral, só estava acima do Americano, buscou uma classificação no tapetão, mesmo perdendo no TJD maranhense. O presidente garantia aos 4 cantos da cidade que no Rio de Janeiro ele ganhava. É evidente que Sérgio Frota teve ajuda do presidente da Federação Maranhense de Futebol, que chegou a viajar para a capital carioca várias vezes, segundo informou a imprensa local. No final, Sampaio foi o classificado, campeão maranhense em cima do Cordino e de quebra levou a final para Imperatriz, fazendo com que o Cordino não jogasse no estádio Leandrão.

No último domingo (13) a casa caiu para Sérgio Frota, após o Jornal Correio da Paraíba publicar uma matéria sobre o inquérito da Operação Cartola, que investiga corrupção no futebol paraibano. E se mexer mais um pouco no passado recente do deputado boliviano, pode encontrar mais coisas, já que no futebol maranhense pode não ser diferente do paraibano.

Deputado estadual do Maranhão aparece nas escutas

Em uma conversa gravada, Zezinho do Botafogo liga para o deputado estadual Sérgio Frota (PSDB-MA), presidente do Sampaio Corrêa para articular sobre a arbitragem do jogo entre Botafogo-PB e Altos-PI, pela última rodada da fase de grupos da Copa do Nordeste. Zezinho pede ao deputado Sérgio Frota o nome do juiz, que seria do Maranhão. Em um determinado momento, Zezinho passa o telefone para Breno e eles conversam rapidamente. O deputado pede que a conversa continue de noite e diz que vai resolver o problema. A partida em questão foi vencida por Belo pelo placar de 1 a 0. O árbitro do jogo foi o maranhense, da cidade de Imperatriz, como o próprio deputado fala no telefonema, Ranilton Oliveira.

E agora, o  Ministério Público do Maranhão vai deixar barato tudo isso ou vai investigar mais coisas do deputado? Tentamos contato com Sérgio Frota, mas não foi possível. O Espaço está aberto para explicações ao povo.

Com Informações do Portal Correio da Paraíba

Equipe de jornalistas da TV Guará é barrada na Federação Maranhense de Futebol

Equipe de jornalistas da TV Guará é barrada na Federação Maranhense de Futebol

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais de São Luís, em nota divulgada nesta terça-feira (27), repudiou o tratamento dispensado à equipe da TV Guará (Record News), que na tarde de segunda-feira (26) foi impedida de participar de uma entrevista na Federação Maranhense de Futebol (FMF).

De acordo com informação do Portal Guará, pertencente à emissora, a equipe liderada pela jornalista Ana Thereza, estava num cumprimento do seu dever profissional para cobrir um protesto de torcedores do Moto Clube, contra a marcação da partida de ida da final do Campeonato Maranhense. O jogo, contra o Imperatriz, será quinta-feira da próxima semana, às 21h45, e o jogo da volta no domingo seguinte, na cidade de Imperatriz.

Em frente à FMF, a repórter e o cinegrafista Fábio Bala tentaram obter uma declaração do presidente da entidade, Antônio Américo, mas a equipe foi barrada por seguranças da entidade.

Para o Sindicato do Jornalistas, o tratamento da entidade desportiva contra a equipe da TV Guará reforça as denúncias de cerceamento sofrido pela emissora. Segundo a nota, a ordem para barrar os jornalistas foi do diretor de Futebol, Hans Nina.

Eis a nota na íntegra:

NOTA E REPÚDIO

Repudiamos veementemente a atitude do senhor Hans Nina, vice-presidente de Competições da Federação Maranhense de Futebol, pelo seu ato indelicado e antidemocrático ao determinar que a jornalista Ana Thereza, repórter da TV Guará, não tivesse acesso à sala onde se realizaria uma entrevista coletiva.

A profissional ao chegar foi barrada por um segurança que transmitiu-lhe que somente os jornalistas de outros órgãos da imprensa estavam autorizados a participar da entrevista e que aquela profissional não tinha permissão para fazer a cobertura.

Repudiamos a atitude do senhor Hans Nina, considerada de extremada indelicadeza e antidemocrática ao, do alto de sua prepotência, cercear o trabalho de uma profissional de imprensa, o que consideramos um atentado absurdo ao sagrado direito da população à informação.

A Diretoria

Com tema “O meu esporte faz a diferença”, Governo lança JEMs 2018

Com tema “O meu esporte faz a diferença”, Governo lança JEMs 2018

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel), realizou na última sexta-feira (02) o lançamento da nova marca dos Jogos Escolares Maranhenses (JEMs), que será utilizada para a 46ª edição da maior competição estudantil maranhense. O evento ocorreu no auditório da Casa Civil, no Palácio Henrique de La Rocque.

Com a presença de secretários e gestores de esporte de, em média, 56 municípios do Estado, o evento envolveu também atletas e escolas, a fim de promover a integração e explicar o novo calendário dos Jogos, incluindo modificações para a etapa nacional do evento, e contou com a presença da secretária Extraordinária de Juventude, Tatiana Pereira. Além disso, o público pode conhecer um pouco mais sobre os projetos promovidos pela Sedel, como as atividades do Lazer, eventos do Desporto e Rendimento, e sobre a Lei de Incentivo ao Esporte.

Representando os atletas maranhenses, a ex-jogadora da Seleção Brasileira de Basquete, Iziane Castro, contou sobre a importância dos Jogos para o início do amor pelo esporte. “Com onze anos eu comecei a prática esportiva e nessa atividade, mesmo sem incentivo algum em casa, eu fui levada a participar dos JEMs. Foi nos JEMs que houve o despertar do meu amor pelo basquete, que desde a minha época já era considerada a maior competição esportiva do Estado”, disse.

Com tema “O meu esporte faz a diferença”, os JEMs e ParaJEMs 2018 abordam a inclusão social, por meio do esporte. “Os JEMs motivam a nossa juventude. Quando se disputa os Jogos o retorno não é somente na área esportiva, mas na questão escolar como um todo, incluindo o aprendizado dos atletas que participam”, disse Jailson Farias secretário de esporte do município de Centro Novo.

O secretário de Estado do Esporte e Lazer, Hewerton Pereira, defendeu o fomento ao esporte de alto rendimento. “Os JEMs proporcionam a interação e construção dos atletas e alunos enquanto cidadãos. O Governo do Estado tem buscado a cada ano realizar Jogos que contribuam para o bem estar e a inclusão social de nossos atletas”, enfatizou.

A etapa estadual dos JEMs 2018 ocorrerá no mês de agosto. O prazo final para os municípios aderirem à competição encerra no dia 16 de março.

Competição do “Fast Duathlon Ceuma” supera expectativas dos organizadores

Competição do “Fast Duathlon Ceuma” supera expectativas dos organizadores

A Federação Maranhense de Triathlon, (Fematri),  em  parceria com a Universidade Ceuma  realizou no último domingo (7), o Fast Duathlon Ceuma nas dependências da Instituição com a participação de 70 atletas amadores, superando as inscrições do ano anterior.

Na competição, as provas foram disputadas em três baterias nas seguintes categorias: iniciante, com bateria de mountain bike; e a elite, que é uma categoria mais avançada, com três baterias de age group, militar e revezamento.

Estiveram presentes o presidente da Fematri, Helbert Meneses, o “Betinho”;  o secretário adjunto de Esportes de São Luís, Patrick Abdalla Brito; e o presidente da Federação Maranhense de Ciclismo, Rafael Costa Carvalho.

O objetivo do evento foi incentivar a prática da modalidade no Estado e contribuir para o conhecimento dos alunos, bem como oportunizar essas atividades para a sociedade.

Betinho, presidente da Fematri, falou da importância de sediar um evento para o desenvolvimento do esporte e de futuros técnicos.

“A Fematri busca fomentar, cada vez mais, o esporte e incentiva os alunos de Educação Física, por meio de palestras, cursos, competições, para que, futuramente, eles sejam técnicos, que vão treinar os atletas pré-olímpicos, e participem de competições em nível nacional”, explicou.

Os alunos dos cursos de Fisioterapia, Estética e Educação Física realizaram atendimentos aos atletas com o intuito de auxiliar na recuperação física deles. O curso de Nutrição também prestou atendimento, através de orientações alimentares e sobre a importância do consumo de líquido, como: água e isotônico para que eles estejam em condições favoráveis para competir.

Patrick Abdalla Brito, secretário adjunto de Esportes de São Luís, também acompanhou a competição. Para ele, o incentivo ao esporte é de grande relevância.

“Eu vejo o esporte sempre como um objeto de inclusão social e a questão da prática esportiva é salutar para todos. Por isso, a Secretaria de Esportes apoia a Federação Maranhense e se torna presente em eventos”,disse Patrick

DUATHLON

O Duathlon, diferente do Triathlon, é uma modalidade esportiva que engloba corrida e ciclismo, de acordo com a quilometragem e regras de cada prova.

 

 

 

Sampaio Corrêa apresenta reforços para o Brasileiro da série C

Sampaio Corrêa apresenta reforços para o Brasileiro da série C

Sampaio Corrêa finaliza detalhes para anunciar um pacotão de reforços, com a Série C do Brasileiro batendo às portas, o Tricolor irá reforçar todos os setores e chegarão ao elenco um zagueiro, um lateral-esquerdo, um volante, dois meias e dois atacante.

Destes sete, os primeiros nomes já foram confirmados oficialmente pelo clube. O lateral-esquerdo Zé Aquiraz, chega ao Tricolor após passagem no Guarani de Juazeiro-CE. O jogador de 28 anos também já esteve no Fluminense-BA, Maranguape-CE e Ferroviário-CE.

Chegam também ao Sampaio o meia Marlon, que estava no Caxias-RS. O jogador esteve ainda em equipes como ASA-AL, Santa Rita-AL, Sertãozinho-SP e Vila Nova-GO. O Outro meia anunciado pelo Sampaio é Fernando Sobral, que disputou o Campeonato Baiano pelo Fluminense-BA. Jovem de 21 anos, ele já esteve ainda no Guarany de Sobral-CE, Horizonte-CE, Atlético-GO, Icasa-CE.

Para o ataque o Sampaio confirmou Célio Mata-Boi, que no Tricolor passa a ser chamado de Célio Holanda. O jogador estava no 4 de julho-PI e tem em seu currículo passagens no Paraiso-TO, Serrano-BA, São Raimundo-AM e Cordino.

O Sampaio estreia neste sábado no Brasileiro da Série C, diante do Moto Club. A partida será realizada no Castelão, às 16h.

Federação Maranhense pedirá suspensão da volta do returno

Federação Maranhense pedirá suspensão da volta do returno

 Antônio Américo, presidente da Federação Maranhense, anunciou que pedirá a suspensão do jogo de volta, após o TJD determinar a realização da final do returno entre Moto e Cordino. As partidas ainda serão marcadas pela FMF e no entedimento do mandatário, haverá um prejuízo maior se ocorrer o jogo que define o campeão do segundo turno do Campeonato Maranhense.

– A FMF vai lançar uma portaria na tarde de hoje (quarta-feira) marcando os jogos entre Moto e Cordino. Tem que cumprir a decisão do TJD-MA, eu até falei para suspender o campeonato enquanto o STJD não julgar a matéria. Agora, esse jogo de sábado poderá acontecer normalmente, mas vou entrar com um pedido de liminar para que a segunda partida não ocorra. Esse segundo jogo não pode acontecer até que a decisão do STJD seja tomada. Isso vai causar problema. Fazendo só o jogo de ida de Moto e Cordino, eu ganho até mesmo uma data, porque qualquer time que sair vencedor no STJD, já vai ter feito uma partida – explicou Américo.

Na decisão do TJD-MA, o relator Gutember Braga determinou também que em caso de descumprimento, a FMF teria que pagar R$ 10 mil de multa diária. Votaram com o relator os auditores Megbel Abdalla, Raimundo Nonato, Pedro Jarbas e Eduardo Duailibe. Contrários foram Márcia Andréa, Turcídes Barbosa e Mário Ferreira. O presidente do TJD-MA, Roberto Feitosa, não teve necessidade de voto.

A FMF deve anunciar os jogos da final do returno, com a primeira partida para o próximo sábado e o jogo de volta na quarta-feira. Com melhor campanha geral no segundo turno, o Moto joga por dois empates para ficar com o título.

Incerteza e preocupação com o Sampaio

Incerteza e preocupação com o Sampaio

Goleada para a Juazeirense por 3 a 0, na Copa do Nordeste aumenta preocupação no Sampaio

A goleada sofrida pelo Sampaio para a Juazeirense deve provocar mudanças profunda no Tricolor. Até mesmo a situação do técnico Vinícius Saldanha diria que se complicou.

É que desde a confirmação do nome do treinador, a torcida do Sampaio vê com desconfiança o planejamento do clube para esta temporada.

Mas não é justo escolher alguém para “Judas”, até porque o elenco montado este ano é o mais fracos nos tempos da era Frota.

Eu não estou satisfeito. Eu não estou gostando. Eu vou esperar o técnico Vinícius Saldanha para uma conversa. Tem muita coisa e muito tempo ainda, mas os campeonatos são de tiro curto e nós não podemos falhar mais”, disse por telefone o dirigente.

Diria que o divisor de água será o jogo com o Guarani de Juazeiro pela Copa do Brasil, na quarta-feira de cinzas. Um tropeço aqui e a situação ficará insustentável, além de significar uma perda grande de receita, pois se seguir adiante vai enfrentar o Internacional-RS.

Mas independentemente de sucesso diante do time cearense, o Sampaio precisa urgentemente repensar todo o seu planejamento e sobretudo, qualificar melhor este elenco.

Do jeito que está ai, o Tricolor não vai a lugar nenhum.

Sergio Frota agradece Governo pelo apoio ao futebol do MA

Sergio Frota agradece Governo pelo apoio ao futebol do MA

Sergio Frota agradece ao Governo do Estado apoio dado ao futebol maranhense

O deputado Sérgio Frota (PSDB) ocupou a tribuna, na manhã desta terça-feira (21), para agradecer ao Governo do Estado, na pessoa do governador Flávio Dino, o apoio dado mais uma vez ao futebol maranhense.

Falando em nome dos presidentes dos clubes que fazem hoje a primeira divisão do campeonato maranhense – Sampaio, Moto, Maranhão, São José de Ribamar, Americano, Cordino, Imperatriz e Santa Quitéria -, o deputado Sérgio Frota frisou que este apoio do governo reveste-se de uma importância maior, tendo em vista a situação econômica enfrentada atualmente pelo país.

Segundo o deputado, o governo do Maranhão, durante solenidade realizada na segunda-feira, no Palácio dos Leões, destinou R$ 1,8 milhão para o futebol maranhense, sendo R$ 900 mil para os clubes de futebol.

Eu não tenho dúvida de que o governo é questionado demais quando nós temos carência de investimento na segurança, na educação e na saúde, investimento no esporte, mais especificamente no futebol. Eu queria lembrar que o futebol é o esporte mais popular do Brasil e um setor gerador de emprego e renda, desde jogadores, médicos, massagistas, treinadores até o mais simples vendedor de picolé e amendoim que vai aos estádios de futebol”, argumentou o deputado.

NOTA À IMPRENSA

O governo do estado destinou R$ 1,8 milhão para o futebol maranhense, sendo metade disso, R$ 900 mil, para os clubes de futebol.

O futebol é feito por clubes, mas não apenas por clubes. Quem organiza e arca com custos logísticos do campeonato é a FMF. Ora, investir em organização não significa investir nos clubes e no futebol? O mesmo pode-se dizer das ações publicitárias, que também estão previstas no programa.

Ao garantir exposição midiática aos clubes, o Governo do Estado valoriza o campeonato e os clubes diretamente. A vitrine facilita, entre outras coisas, a aquisição de patrocínios pelos clubes. E o que não é isso senão investimento nos clubes?

Para finalizar, assim como em discurso, gostaria de exaltar mais uma vez o empenho do Governo do Estado em zelar pelo esporte maranhense e repetir em 2017 a iniciativa de 2016. E vale ressaltar: garantindo os mesmos valores apesar da crise que afetou todo o país.