Zé Inácio vai propor gestão compartilhada para empreendimentos imobiliários

Zé Inácio vai propor gestão compartilhada para empreendimentos imobiliários


O deputado Zé Inácio (PT) que toma posse, nesta sexta-feira (1º), para seu segundo mandato na Assembleia Legislativa do Maranhão, fez um balanço do seu primeiro mandato e falou sobre a expectativa para uma nova jornada no parlamento que inicia a partir de amanhã.
Em entrevista exclusiva ao blog da Dalvana Mendes, Zé Inácio que foi o presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investigou e confirmou a existência de irregularidades cometidas pela construtora Cyrela em empreendimentos imobiliários de São Luís, afirmou que pretende apresentar uma proposta na Assembleia Legislativa visando a gestão compartilhada de empreendimentos imobiliários no estado.

Confira o bate-papo via plataforma digital do blog:

DALVANA MENDES –
Qual a sua expectativa para o seu segundo mandato que inicia no próximo dia 02 de fevereiro?

ZÉ INÁCIO: Continuaremos fazendo um mandato de luta em defesa do povo maranhense, sobretudo aqueles que mais precisam. Um mandato voltado para a classe trabalhadora, para os jovens, respeitando a diversidade da nossa gente e pautando temas essenciais para o desenvolvimento do nosso Estado, como a saúde, a educação e a segurança pública.

DM – Qual será a bandeira de luta na Assembleia legislativa para os próximos quatro anos de mandato?

ZI: Teremos várias bandeiras de luta, e uma das fundamentais será a defesa da educação, uma educação pública de qualidade, libertadora, sem censura, sem amarras, que valorize ainda mais os nossos professores e estudantes. Além disso, a defesa do direito à terra, à produção, dos nossos agricultores familiares, juntamente com os movimentos sociais que estão sofrendo inúmeras ameaças por parte do atual governo Bolsonaro.

DM – O senhor já tem algum projeto em mente que pretende apresentar assim que tomar posse para o segundo mandato?

ZI: Em face do que observamos no contexto da CPI da Cyrela, pudemos constatar, no que diz respeito a empreendimentos imobiliários, que há muito a ser aperfeiçoado nos marcos regulatórios para uma gestão integrada na região metropolitana, visando estabelecer diretrizes para a ação articulada dos órgãos municipais.

Para conhecer melhor os limites e possibilidades desta atuação, promoveremos reuniões técnicas e audiências públicas visando colher as contribuições da sociedade para construir esse novo marco regulatório; naturalmente, mais atualizado e contextualizado e mais eficaz.

DM – Qual o seu maior legado deste seu primeiro mandato? E o que pretende deixar como marca para o segundo mandato?

ZI: no nosso primeiro mandato propusemos importantes leis, e eu destaco a lei de nossa autoria já em vigor que obriga os bancos públicos e privados do Maranhão a garantirem vigilância armada 24h em seus estabelecimentos, o que contribui com a segurança dos usuários e também emprego aos profissionais da vigilância do Estado.

Neste segundo mandato, continuaremos trabalhando para aprovar leis que melhorem a vida dos maranhenses, a exemplo do projeto de lei que trata da regularização do piso salarial regional dos trabalhadores no Maranhão, que será um grande avanço no nosso Estado. Será um mandato de muito mais trabalho e compromisso com o povo maranhense!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *