Em discurso, vereador Chaguinhas presta homenagem à Edmilson Jansen

Em discurso, vereador Chaguinhas presta homenagem à Edmilson Jansen

 Durante a sessão especial em homenagem ao ex-vereador Edmilson Jansen (PTC), 66 anos, que morreu na noite de sábado (13/05), por complicações em uma cirurgia de hérnia umbilical. O Vereador Francisco Chaguinhas (PP) fez uso da palavra para homenagear o colega de parlamento e se solidarizar com a família do ex-parlamentar.

Segundo o progressista, Edmilson parte deixando um legado importantíssimo para a cidade de São Luís, e que a casa legislativa não será a mesma sem a presença do colega de parlamento.

“Edmilson Jansen era uma pessoa que se relacionava com todos e com humor bastante apurado, tanto que sua despedida repentina causou grande comoção nos vereadores, funcionários e em toda a classe política local. Portanto, a Casa perde um grande vereador e eu perdi um grande amigo, que, sem sombras de dúvidas, engrandeceu esse parlamento municipal. Que Deus possa recebê-lo de braços abertos e que possa confortar toda a sua família”, disse.

HISTÓRICO POLÍTICO

Edmilson Carneiro Jansen de Mello nasceu em 26 de setembro de 1950, no município de São Bento/MA. Ele deixa quatro filhos: sendo dois maiores, do primeiro casamento com sua falecida mulher, e dois menores, da relação com Fernanda Costa, que era sua atual companheira.

Era procurador federal aposentado, advogado e estava em seu 3º mandato de vereador, sendo dois eleitos de forma consecutiva. Em 1996, Edmilson Jansen despertou interesse pela política partidária e filiou-se ao Partido Popular Socialista (PPS), onde disputou as eleições daquele ano e obteve 1.397 votos, ficando como suplente na legislatura 1997-2000. Nas eleições de 2000, já filiado ao Partido Trabalhista do Brasil (PTdoB), Jansen conquistou 1.650 votos, mas também não foi eleito vereador. Edmilson Jansen ficou como suplente em outras duas eleições: Em 2004, quando obteve 2.649 votos e também em 2008, quando alcançou 2.916 votos. Nesse período, chegou a assumir em duas oportunidades na condição de suplente. Ele se efetivou &nb sp;em 2011, depois que o titular da vaga, Edivaldo Holanda Júnior, renunciou ao cargo para assumir o mandato de deputado federal.

Em 2012, diante de um histórico de luta contínua e corajosa, sempre em defesa das causas sociais, Jansen voltou a disputar uma vaga na Câmara de Vereadores, sendo reeleito para o 2º mandato, com 4.602 votos.

Em 2016, se elege para o 3º mandato, alcançando 4.108 votos, contando com o forte apoio do eixo Itaqui-Bacanga, sua principal base eleitoral.

ATUAÇÃO PARLAMENTAR

Relator da Comissão de Justiça da Câmara de São Luís, em 2012. Membro da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investigou vícios em contratos do Programa ‘Bom Peixe’, em 2013. Também na legislatura passada, fez parte da Comissão que elaborou o novo Regimento Interno da Câmara, juntamente com os vereadores Chico Carvalho e José Joaquim.

Na atual legislatura, era membro da Comissão de Meio Ambiente da Câmara de São Luís.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *