Vereadores ironizam 100 dias de governo Edivaldo “sem nada” para comemorar

Vereadores ironizam 100 dias de governo Edivaldo “sem nada” para comemorar

Os primeiros 100 dias da administração de Edivaldo de Holanda Junior (PDT), à frente da Prefeitura de São Luis, foram cheios de chacota nas redes sociais e ironizados por vereadores da capital ludovicense. Segundo os vereadores, Edivaldo completa 100 dias de governo “sem nada” para mostrar.
Sua campanha feita com o lema “Edivaldo, o prefeito da gente”, nesses primeiros 100 dias de governo demonstra o oposto. Na verdade, uma avaliação rápida das principais medidas do atual Prefeito demonstra que ele não mudou em nada a lógica da prefeitura. Ele governa de acordo com os interesses dos ricos e poderosos, deixando as comunidades mais carentes de fora do centro decisões.

O Jornalista e Blogueiro Davi Max conversou com três vereadores da capital ludovicense para saber o seu posicionamento sobre os “SEM DIAS” de Holandinha. O primeiro a se manifestar foi o vereador Estevão Aragão (PSB). Segundo ele, nessa gestão não tem nada de positivo que possa apresentar para a população, ou seja, nada a comemorar.

“Esses ‘SEM DIAS’ dias de gestão de Edivaldo têm sido um verdadeiro fracasso. A cidade está um caos, pois não temos um prefeito sério e que realmente tenha compromisso com o povo dessa cidade. O reflexo disso é que estamos 100 educação, 100 Saúde e, infelizmente, 100 prefeito”, disse o parlamentar.

Já o vereador Francisco Chaguinhas (PP) disse que nessa gestão tem de tudo menos grandeza. De acordo com o progressista, os “SEM DIAS” de governo ficam marcados pela incompetência de um jovem gestor em meio ao caos instalado em São Luís.

“São Luis é uma cidade tão bela, mas é lamentável, pois não temos a atenção devida do gestor municipal. Hoje os problemas se alastram por toda a cidade. Um exemplo é a educação, pois todas as nossas escolas se encontram sucateadas e depredadas. Sem falar nas ruas todas cheias de buracos. Hoje, nesses “SEM DIAS”, não temos nada o que comemorar mas, sim, lamentar pelo fracasso dessa gestão inoperante”, disse.

Quem também conversou também com o jornalista Davi Max foi o Vereador Marcial Lima (PEN). Ele disse que os problemas da cidade são gravíssimos e que o prefeito tem que mostrar a cara e assumir a linha de frente.

“Hoje, estamos notando que nestes 100 dias, São Luís é uma cidade que não tem a quem reclamar. A exemplos das escolas, que estão em uma situação complicada; na saúde, as coisas pioram; a infraestrutura é muito preocupante. Precisamos de uma reação emergencial do poder público. E para isso é preciso que o prefeito possa assumir a linha de frente e mostre a sua cara”, disse.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *