Aula inaugural do curso de árbitro de triathlon atrai público variado

Aula inaugural do curso de árbitro de triathlon atrai público variado

A Federação Maranhense de Triathlon (FEMATRI) em parceria com Confederação Brasileira de Triathlon (CBTri ) e o Centro Universitário do Maranhão (CEUMA) realizou na última segunda-feira (17), aula inaugural do curso de oficiais técnicos nível I que tem por finalidade capacitar árbitros de triathlon, para atuarem em competições local e nacional. O curso é ministrado pelo árbitro olímpico, Roberto Menescal. O curso acontece até dia 19.

Segundo o presidente da Fematri, Helbert Meneses o curso tem como finalidade capacitar as pessoas que vão atuar no campeonato maranhense 2017 de triathon.

“O curso de arbitragem tem como propósito formar árbitros que vão atuar no campeonato maranhense 2017 de triathlon. O curso conta com a parceria da Fematri,  Universidade Ceuma e a da Confederação de triathlon, onde visa fortalecer o desenvolvimento do esporte do nosso estado e ajudar a propagação do conhecimento técnico dos estudantes e os demais interessados. O curso será conduzido pelo facilitador Roberto Menescal, que é mestre em estudos olímpicos pela universidade na Alemanha e superintendente da Confederação Brasileira de triathlon, Roberto Menescal”, afirmou Meneses.

“Além disso o curso é acessível a qualquer pessoa, foi divulgado amplamente para todos que se interessarem pelo triathlon, esse curso é nível 1 que é para ser árbitro a nível nacional. O curso contará com aula prática aberta para a comunidade. O interesse da diretória da Fematri é fomentar o esporte e divulgar o triathlon em todo nosso Estado“, completou o presidente da Fematri.

A coordenadora do curso de educação física da Universidade Ceuma, Daniella Flecha, destacou a parceria entre as entidades em prol da modalidade que tem ganhado adeptos.

“Procuramos sempre trazer cursos que possam aliar a teoria com a prática. O triathlon é uma modalidade relativamente nova onde nós temos pouquíssimas oportunidades aqui dentro do nosso Estado, esse é um curso muito importante porque além de qualificar os nossos alunos pra entender a modalidade, trabalhar na modalidade, abre espaço para o mercado de trabalho. Nossa parceria com a Fematri, CBTri vai trazer muitos frutos nesse sentido.  Temos em torno de 50 pessoas, não só estudantes de educação físicas, mas praticantes da modalidade”, ressaltou Daniela Flecha.

CURSO

O curso serve como pré-requisito para os Cursos de Oficiais Técnicos Internacionais da ITU.

A Certificação será emitida pela Confederação Brasileira de Triathlon (CBTri). Os participantes aprovados, na parte teórica e prática, receberão o título de Oficial Técnico CBTri Nível I e serão integrados ao quadro de árbitros da Confederação.

Receberão o certificado de participação todos que completarem 85% da carga horária teórica.

Para a certificação, como Oficial Técnico CBTri nível I, os participantes precisam ter, no mínimo, 70% de aproveitamento na prova escrita e avaliação satisfatória nas horas práticas a serem cumpridas, ou participação em eventos da CBTri ou de suas filiadas no prazo de 12 meses, após a conclusão da parte teórica, conforme determina a normativa de cursos da CBTri. Os participantes terão a oportunidade de fazer a avaliação prática, que acontecerá em Competição de Duathlon, a ser realizada no início de maio de 2017, com acompanhamento de árbitros da CBTri.

A Certificação terá validade de 3 anos, a partir da data da conclusão da avaliação prática.

Os certificados de participação, no curso, serão emitidos, com carga horária pela CBTri, em formato PDF e enviados para os participantes que obtiverem a carga horária mínima.

Os participantes aprovados, na prova teórica e prática, receberão o título de Oficial Técnico de Triathlon Nível I. Essa certificação não tem um comprovante em papel, apenas consta na listagem da CBtri para que o árbitro possa se candidatar a outros programas de treinamento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *