Máfia Tributária: Roseana jura inocência e insinua estar sendo perseguida

Máfia Tributária: Roseana jura inocência e insinua estar sendo perseguida

Roseane-Sraney-Foto-Karlos-GeromyOIMPDA-Press

A ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) emitiu nota sobre a recente ação do Ministério Público, que lhe aponta como líder de esquema de corrupção em concessão de isenções fiscais na Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz).

O caso tem repercutido em todo o Maranhão é já ganhou apelidos como: “Máfia da SEFAZ” ou “Máfia Tributária”, após o caso ser divulgado pela 2ª Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Tributária e Econômica de São Luís, comandada pelo promotor Paulo Roberto Barbosa Ramos.

Roseana afirma ter convicção de que não cometeu ilegalidades nas concessões das isenções fiscais e diz ainda que todos os atos tiveram a aprovação da Procuradoria-Geral do Estado do Maranhão.

A ex-governadora e filha do ex-presidente José Sarney, dá a entender estar sendo vitima de perseguição, e que a denúncia faria parte da ambição política de alguém.

Veja a nota publicada no Blog do Gilberto Leda:

“Tenho absoluta convicção de que todos os meus atos foram tomados dentro da mais absoluta legalidade. Não houve qualquer ato meu que não tivesse o parecer da Procuradoria-Geral do Estado do Maranhão, que deve ser o trâmite normal de um governador. Agi dentro das muitas funções que cabem ao líder do Executivo, sem parcialidade ou intenções pessoais. Não imaginei que a ambição política no Maranhão chegasse a esse ponto, de atacar covardemente e denegrir adversários. Nunca tive essa postura em minha vida pública”

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *