Envolvido em esquema de desvio de verbas da Saúde no MA sai da prisão

Envolvido em esquema de desvio de verbas da Saúde no MA sai da prisão

amilio

O desembargador João Batista Moreira, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), concedeu liminar em habeas corpus impetrado pelo advogado Ravik Bello Ribeiro e determinou a revogação da prisão do empresário Emilio Borges Rezende, um dos diretores da Bem Viver e do Centro Oncológico Brasileiro (Cobra), preso na semana passada na segunda fase da Operação Sermão aos Peixes , segundo investigações da PF, Emilio é apontado como um dos chefes de esquema de desvio de verbas da Saúde no estado do Maranhão.

Na decisão, o magistrado acolheu argumentos da defesa de que, após sua prisão e posterior soltura, ainda na primeira fase da operação, ainda em 2015, não houvera fato novo que justificasse nova preventiva.

A Polícia Federal prendeu Emílio por suspeita de que o grupo investigado, do qual ele faz parte, vendeu um avião modelo Beechcraft para encobrir supostas transações irregulares com verba desviada do Sistema Único de Saúde.

LEIA MAIS: 

PF identifica responsáveis por desvio de R$ 36 milhões na área da Saúde no MA

Desvios na Saúde do Maranhão bancaram até avião de R$ 2,5 mi

Justiça aceita denúncia contra Roseana por desvios do “Saúde é Vida”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *