Wellington do Curso usa página do PP para “burlar” decisão judicial

Wellington do Curso usa página do PP para “burlar” decisão judicial

IMG-20160724-WA0014O pré-candidato a prefeito Wellington do Curso (PP) foi obrigado pela Justiça a retirar as publicações patrocinadas de sua página do Facebook. A legislação eleitoral não permite propaganda paga na internet mesmo para pré-candidatos.

Mas o pré-candidato, que é presidente municipal do Partido Progressista, utilizou a página do partido para publicar texto relativo à pré-candidatura.

Na decisão do desembargador Raimundo Barros, que determinou a retirada das publicações patrocinadas de Wellington, o magistrado obrigou o deputado a parar de continuar usando as redes sociais para burlar a legislação eleitoral e promover campanha eleitoral fora do prazo e ainda estipulou multa diária de R$ 1 mil em caso de descumprimento da decisão.

Blog Clodoaldo Corrêa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *