Sérgio Machado diz que pagou R$ 20 milhões de propina a Sarney

Sérgio Machado diz que pagou R$ 20 milhões de propina a Sarney

sarney velho

O ex-senador Sérgio Machado disse, em depoimentos da delação premiada, que arrecadou e pagou mais de R$ 70 milhões desviados da Transpetro para o presidente do Senado, Renan Calheiros (AL), o senador Romero Jucá (RR), o ex-presidente da República José Sarney (AP), entre outros líderes do PMDB.

Segundo Machado, a soma mais expressiva, R$ 30 milhões, foi destinada a Calheiros, principal responsável pela indicação de Machado para a subsidiária da Petrobras e maior empresa de transporte de combustível do país.

Já o ex-senador José Sarney, abocanhou R$ 20 milhões, segundo delação, de acordo com a contabilidade do ex-presidente da Transpetro.

Jucá, que ficou uma semana como ministro do Planejamento do governo interino de Michel Temer, foi destinatário de quantia similar à de Sarney, cerca de R$ 20 milhões. Machado também disse que abasteceu contas dos senadores do PMDB Edison Lobão (MA) e Jáder Barbalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *