Câmara de São Luís aprova moção de pesar pela morte da bailarina Ana Duarte

Câmara de São Luís aprova moção de pesar pela morte da bailarina Ana Duarte

franco-pesar-300x199O Plenário da Câmara Municipal de São Luís aprovou na última quarta-feira (30), uma moção de pesar pelo assassinato da bailarina e professora Ana Lúcia Duarte, de 51 anos, que levou seis tiros de espingarda na manhã do último sábado, 26, após desviar dos buracos na BR-135, próximo ao posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), em São Luís.

O autor da moção é o vereador Rômulo Franco (DEM). Ele ocupou a tribuna da Casa para afirmar que a moção “era uma forma de solidarizar com familiares da bailarina e professora assassinada”.

O parlamentar também denunciou a caótica situação em que se encontra a BR-135, única via de acesso terrestre entre a região Metropolitana de São Luís, os municípios maranhenses e os outros estados da federação. No discurso, o vereador do DEM, também, fez uma reivindicação ao Governo Federal para que solucione a precária situação da rodovia, cujo descaso resultou no assassinato da bailarina.

—  É uma irreparável perda. Fica o nosso sentimento de pesar e que Deus traga conforto ao coração dos familiares e amigos. Como vereador e, portanto, legítimo defensor dos interesses do povo da capital maranhense, estou aqui para cobrar do Governo Federal a conclusão da duplicação do trecho e os reparos necessários à principal via de acesso terrestre entre a região Metropolitana de São Luís, os municípios maranhenses e os outros estados da federação —  declarou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *